Entrevista da semana!


O desenvolvimento tecnológico tem sido tema de debates em escolas, faculdades, congressos empresariais e políticas governamentais. O fato é que a dinâmica da tecnologia está tão rápida que a sociedade precisa acelerar sua conectividade, a fim de se adequar aos mecanismos de inovação para a inclusão digital. Nesse contexto, o professor Leandro Kravczuk, coordenador do curso de Redes de Computadores, nos concedeu uma entrevista abordando os principais temas relacionados à área. Confira na íntegra:
1º Como o curso em Redes de Computadores pode ajudar o aluno a se inserir no mercado de trabalho?
Hoje, o papel da faculdade é fazer com que seus alunos se formem profissionais que não só dominem a teoria, mas que também sejam capazes de se adaptar à realidade das organizações. Agindo assim, a instituição de ensino superior assumiu sua responsabilidade como Facilitador e Empreendedor de experiências inovadoras e criativas, dentro do processo ensino-aprendizagem, preparando o aluno como sujeito, agente da sua própria história. O aluno, portanto, é o ser transformador não só da sua realidade, mas um ser capaz de estabelecer uma inter-relação com seu meio e o mundo. Por isso, as atividades com hora marcada e somente para fins acadêmicos nem sempre são suficientes para prepará-lo para o mercado de trabalho. Para tentar sanar essa lacuna, as instituições perceberam que é hora de modificar a abordagem em relação aos desejos do mercado.
O curso de tecnólogo em Redes de Computadores faz justamente esse papel de incluir mais realidade no currículo acadêmico. Por isso é tão importante a união da experiência corporativa com a qualificação acadêmica na seleção dos professores deste curso. A minha visão é bastante clara em relação à formação dos alunos para o mercado. A faculdade, em geral, é responsável por transmitir para o aluno uma vivência real do ambiente de trabalho e prepará-lo do ponto de vista das habilidades pessoais. Hoje o professor é mais exigido pela capacidade de inovação, de estabelecer relações do conteúdo acadêmico com o mercado de trabalho.
 2º De acordo com o desenvolvimento tecnológico, quais as atribuições que o profissional da área deve ter para ser bem sucedido?
Um profissional na área de redes de computadores precisa possuir capacidade de planejamento e atribuição de prioridades, ser capaz de pensar antes de agir e, sobretudo, ser flexível. Precisa trabalhar em equipe e saber que esta ação resultará em uma equipe de sucesso. Deve sempre possuir a intenção de agregar valor ao setor onde ele atua.
É interessante também que este profissional seja autodidata, para que ele não dependa somente de cursos para reciclar o conhecimento na área, tendo em vista que as tecnologias surgem e mudam a todo o momento. Isso não quer dizer que o treinamento seja dispensável, mas o profissional precisa conhecer mais rapidamente as novidades do mercado, as alterações e os lançamentos de produtos. Falar um segundo idioma é muito importante. O mundo é global e as empresas possuem clientes em vários países.
E por fim, tenha foco nas atividades realizadas. As chances de cometer erros ou estourar os prazos aumentam quando o profissional é disperso. Reserve alguns minutos por dia para checar as redes sociais e seus e-mails. Nada é tão importante no Facebook que não possa esperar algumas horas.
 3º Quais competências pessoais são necessárias para desenvolver a profissão com êxito?
Primeiramente, ser estudioso. Na área de tecnologia, as empresas querem contratar profissionais que atualizam os seus conhecimentos constantemente. Em segundo lugar, seja curioso. Quem trabalha com redes deve conhecer o há de novo na área. O profissional e o estudante precisam gostar de aprender e possuir a curiosidade pelas coisas para poder acompanhar a avalanche de atualizações. É desejável também conhecer outras áreas, pois isso agrega valor ao profissional.
Realizar as atividades com vontade está diretamente ligado ao crescimento profissional. Quem tem alegria, paixão e carinho pelo que faz certamente crescerá profissionalmente. Treinar o raciocínio lógico é indispensável para a área de redes. Para se ter êxito nesse ambiente é necessário muita abstração e construção de lógica dentro da abstração. O profissional precisa ter estes requisitos para ser bem sucedido.

0 comentários: