ENADE 2012 | Dúvidas mais frequentes





1. O Enade é obrigatório?

O Enade é componente curricular obrigatório dos cursos de graduação, sendo inscrita no histórico escolar do estudante somente a sua situação regular com relação a essa obrigação.
A participação do estudante selecionado no ENADE é condição indispensável para a emissão do histórico escolar, que terá como registro a data em que realizou o Exame.

2. Qual o objetivo do Enade?

O objetivo do Enade é avaliar o desempenho dos estudantes com relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos de graduação, o desenvolvimento de competências e habilidades necessárias ao aprofundamento da formação geral e profissional, e o nível de atualização dos estudantes com relação à realidade brasileira e mundial, integrando o Sinaes, juntamente com a avaliação institucional e a avaliação dos cursos de graduação.

3. Qual a situação do estudante inscrito que não realizou a prova?

O estudante inscrito que não realizar a prova não poderá receber o seu diploma, enquanto não regularizar a sua situação junto ao ENADE, haja vista não ter concluído o respectivo curso de graduação (o ENADE é componente curricular obrigatório).

4. Como o estudante inscrito, que não realizar a prova, poderá regularizar sua situação junto ao ENADE?

Justificando a ausência ao INEP e sendo esta aceita ou participando da próxima edição do ENADE.
O procedimento para envio da justificativa será divulgado pelo INEP após a realização do exame.

5. No caso de ausência e envio de justificativa o estudante está dispensado e com situação regularizada?

Não. O estudante somente será dispensado se o INEP aceitar a justificativa para a ausência, caso contrário o estudante fica em situação irregular e deverá ser inscrito na próxima edição do ENADE.

6. Quais os estudantes habilitados a participar do Enade?

Estão habilitados a participar do Enade todos os estudantes em final de primeiro ano (ingressantes) e de último ano (concluintes) das áreas e cursos a serem avaliados.

7. Quais os instrumentos básicos do Enade?

o A prova
o O questionário de impressões dos estudantes sobre a prova
o O questionário do estudante
o O questionário do coordenador do(a) curso/habilitação.

8. Como são definidas as áreas que serão avaliadas no Enade?

O Ministério da Educação define, anualmente, as áreas propostas pela Comissão de Avaliação da Educação Superior (Conaes), órgão colegiado de coordenação e supervisão do Sinaes. A periodicidade máxima de aplicação do Enade em cada área será trienal.

9. Quem elabora e aplica a prova?

As provas são realizadas e aplicadas por instituição ou consórcio de instituições contratadas pelo Inep que comprove capacidade técnica em avaliação e aplicação, segundo o modelo proposto para o Exame, e que atenda aos requisitos estabelecidos no projeto básico do Enade.

10. Qual o peso das partes da prova?

1. Formação Geral = 25%
2. Componente específico = 75%

0 comentários: