Independência e aperfeiçoamento contínuo são marcas do ensino a distância

Profissionais mais independentes e focados, além de maior capacidade de concentração e facilidade para continuar se aperfeiçoando são algumas das qualidades que os especialistas observam nas pessoas que se dedicam ao ensino a distância. Essa observação é confirmada por meio de dados do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) que apontam os graduados em EAD com média superior (6,7 pontos) se comparado a alunos de modalidades tradicionais, principalmente nos cursos de Administração, Pedagogia e Serviço Social.
 
Segundo dados do Ministério da Educação (MEC) o ensino a distância já responde por quase 15% do total de matrículas em graduação no país e com crescimento médio de 10% desde 2010. Seguindo essa tendência a Faculdade Ateneu dispõe de 71 disciplinas a distância e, não por acaso, o curso de Administração é responsável por 10 delas.
Nesse universo o aluno do sexto semestre de Administração, Mikael da Silva Oliveira (foto), é um exemplo bem sucedido de quem incorporou essa nova tendência global de ensino. O estudante já cursou três disciplinas em EAD, foi monitor em uma delas e considera essa modalidade de educação uma realidade. “É um sistema novo, mas que já virou tendência e que está em processo constante de crescimento. A principal diferença desse tipo de ensino é poder estudar, aprender e tirar dúvidas via web, ou seja, em casa, na biblioteca ou até no intervalo do trabalho” afirma. Mikael Oliveira ressalta ainda a importância da sua passagem pela monitoria “Nas monitorias você tem a oportunidade de passar novos conhecimento e aprofundar outros, já que sempre há necessidade de atualização para se debater nos fóruns ou tirar dúvidas de outros colegas”.
Outro detalhe observado pelo estudante é que você se torna organizador da sua rotina de estudos. “Você cria o seu próprio horário para estudar, porém esse fator é um dos principais desafios do ensino a distância e que talvez gere a resistência de alguns alunos para com essa metodologia de ensino”, alerta.
Para Mikael Oliveira o ensino a distância é uma oportunidade de qualquer profissional expandir seus conhecimentos, com a possibilidade de você criar o seu próprio ritmo de estudo, de compartilhar tudo que aprendeu com os seus companheiros de estudo mesmo que a distância. “Aprende-se novas práticas, troca-se ideias e multiplica-se sabedoria, tudo de uma forma conectada” conclui o futuro administrador.

Emanuel Santos
Assessoria de Imprensa

0 comentários: