Data Magna: Palestra traz explicações sobre a Abolição no Ceará

Pelo terceiro ano, o estado vai feriar no dia 25 de março. A data é lembrada pelo fato de em 1884, quatro anos antes da Lei Áurea, o Ceará ter libertado seus escravos, tornando-se a primeira província do Brasil a deixar os negros livres. Intitulado de Data Magna do Ceará, o feriado, de autoria do deputado Lula Morais, foi instituído, promulgado e publicado no Diário Oficial do Estado em dezembro de 2011.

Para lembrar o momento, os cursos de Turismo e Administração vão realizar no próximo dia 26 março no campus Antônio Bezerra, a palestra “Abolição no Ceará: Um novo olhar”. A exposição será conduzida pelo professor, mestre em História, José Hilário Ferreira Sobrinho. O docente, que também é sociólogo, estuda temas como: as relações raciais, cultura negra, africanidade e africanos no ceará, violência urbana, cotidiano negro e racismo.
A iniciativa é vinculada às disciplinas de Fundamento do Turismo e Hotelaria I e a de Marketing, além de que se relaciona aos grupos acadêmicos Turismo Responsável e Administração. “A temática vincula-se aos ideais de liberdade em todas as suas formas de expressão como instrumento para legitimar e promoção do indivíduo” explica o professor Francisco José Barros. Para ele, a ação valoriza a história e a cultura de um povo, além de que constrói uma ideia de coletividade e assegura o bem comum.

Assessoria de Imprensa
Emanuel Santos

0 comentários: