Carnaval de bolso cheio? Saiba como!

Conheça as principais dicas para economizar e curtir um carnaval economicamente proveitoso. O Professor Charlles Franklin Duarte, docente da Ateneu, dá as recomendações mais convenientes.
“Olá, segue algumas dicas para você economizar neste carnaval, espero poder ajudá-lo pois tudo tem um preço a ser pago. Lembre-se: primeiro consuma suas necessidades, que são prioridades e depois se der, os seus desejos.
  Liste os blocos de folia e as festas que deseja participar. Opte pelo metrô ou ônibus, que sai mais barato do que o combustível do seu carro e taxas de estacionamento;
  Pode optar também por um táxi e dividir com os amigos o valor da corrida. Com certeza, vai sair mais em conta. E se seu grupo de amigos for grande, podem fretar uma van e fechar um pacote por todo o período;
  Recicle fantasias antigas, sem tem alguma guardada que “ainda dá para o gasto”, pode pedir emprestado também, use sua criatividade;
  Você já sabe os gastos obrigatórios fixos que tem para este mês, coloque no papel o que vai gastar no carnaval. Comida, bebida, transporte, adereços, etc. O que vai restar para a festa? Lembre-se que ainda o mês ainda não terminou.
  Outra opção é se reunir com os amigos em casa. Fazer um carnaval no próprio condomínio onde você mora. A famosa “vaquinha” também pode ajudar muito. Essa é a solução para você não deixar de curtir e se divertir.
  Divida quanto você vai gastar por dia, caso resolver ir a todos os dias do carnaval. Veja com clareza seu orçamento total, até onde vai seu limite para não gastar além da sua capacidade, não financie sua diversão de hoje para não acumular dívidas e se arrepender depois da quarta-feira de cinzas.
  Como a própria festa envolve criatividade, você terá que ser criativo(a) para economizar neste carnaval. Diga Não aos absurdos que podem ocorrer em bares e restaurantes. Esses estabelecimentos se aproveitam da sua necessidade de consumo imediato naquele momento por impulso e aumentar os preços dos seus produtos e serviços.

 O dito popular de que “quem está na chuva é pra se molhar” é um grande perigo. Não vá nessa onda.
  A melhor dica: Leve sempre em consideração o que faz bem para você. Se suas finanças estão firmes, opte pelo que faz bem a você. Se as finanças estão complicadas, abra uma exceção neste ano. Foque na sua segurança financeira.
Forte abraço!

Prof. Charlles Franklin Duarte”

0 comentários: